Imposto de Renda: é preciso declarar investimentos?

Você está com dúvidas sobre a declaração de investimento no Imposto de Renda de 2021, mesmo com o prazo de esgotando? Então, veja, a seguir, quem precisa declarar investimento e como fazer isso!

Imposto de Renda

A Receita Federal já fez a publicação das regras e do calendário do Imposto de Renda de pessoas físicas, com validade neste ano e baseadas nas orientações do ano passado, que foram modificadas por conta da pandemia do novo Coronavírus.

O fato é que não ocorreram muitas mudanças desde a última solicitação, ainda que a expectativa de atualização tenha sido grande, permanece obrigatória a declaração deste ano, para quem teve rendimento líquido acima de R$28.559,70 em 2020.

Contudo, uma alteração que pegou muita gente de surpresa foi a exigência de declaração das pessoas que receberam o auxílio emergências do ano de 2020 devido à pandemia de covid-19.

Entretanto, nem todos que receberam o auxílio, serão obrigados a declará-lo. A regra se aplica àqueles que, além do benefício social, ganharam rendimentos suficientes somando o total de R$ 22.847,00 ou mais.

Assim, quem recebeu essa ajuda terá que devolver o valor do auxílio recebido, já que, na prática, não precisaria dele para sobreviver.

Outra dúvida muito comum entre as pessoas é como declarar investimentos no imposto de renda. Os investimentos são organizados por modalidades, portanto, é necessário entender como declará-los para não ser pego pelo leão.

Por exemplo, as pessoas que possuem uma renda fixa como, um fundo de pensão de previdência privada e quem faz investimentos como, uma compra de ações devem ter os seus próprios campos de declaração. Veja, a seguir, os detalhes:
 

Quais investimentos precisam ser declarados no Imposto de Renda?


A regra de responsabilidade da declaração é para as pessoas que obtiveram rendimentos tributáveis elevados a R$28.559,70 ou não tributáveis de valores acima de R$40 mil, ou serve para quem investiu qualquer valor na Bolsa também.

Sendo assim, todas as classes de investimento que possuam em carteira Declaração de Imposto de Renda de Pessoa Física (DIRPF) devem ser declaradas.

Lembrando que, apesar das partes de ganhos se manterem isentas da incidência de tributos no Brasil, a declaração do contribuinte é de extrema relevância para o Imposto de Renda.
Desse modo, todas as categorias que tinham na carteira em 2020, serão mantidas na ficha chamada "Bens e Direitos", na declaração. Veja a seguir como será feita essa separação:


tabela Bens e Direitos categoria imposto de renda

Como acontece a declaração de investimento pela Renda Fixa no IR 2021?

 
Grande parte do que é investido na renda fixa contém a incidência do imposto de renda. Entretanto, é válido ressaltar, que a taxa não se aplica no momento em que é feita a declaração, isso porque a tributação do imposto de renda na categoria de renda fixa, conta com uma realização automática pelo banco quando é resgatada.

Ainda que existam os produtos que são poupados de cobrança, é indicado que todos sejam declarados.

Como foi visto na tabela acima, a renda fixa conta com vários investimentos que sofrem tributação.

Um ponto interessante, é que uma parte deles sofrem essa tributação por conta da tabela regressiva, que está relacionada com o prazo de aplicação. Entretanto, poupanças, LCI, LCA, CRI e CRA e Debêntures incentivadas, não possuem taxa de Imposto de Renda.
 

Como acontece a declaração de investimento pela Renda Variável no IR 2021?


De todo modo, os investidores que negociam ações e são contemplados devem pagar o Imposto de Renda todo mês. Com a exceção de: se o negociador não obter lucro e ficar abaixo de 20 mil por mês, não é necessário pagar a taxa.

Por fim, esses impostos são cobrados através do Darf (Documento de arrecadação de receitas federais). Que pode ser encontrado no site da Receita Federal durante o ano inteiro.
 

Como declarar o investimento do IR 2021 em Fundos de Investimentos?


Os fundos de investimentos podem ser classificados em várias categorias, sua tributação é referente ao período mantido à aplicação do negociador.

Para uma classificação resumida, as categorias de fundos de investimentos são organizadas por: o saldo e o rendimento. O informe de rendimentos específica todas as informações necessárias para o investidor fazer a declaração.
 

O que acontece na categoria de previdência privada do IR 2021?


Dependendo das circunstâncias do plano, as contribuições na Previdência Privada são declaradas de forma distintas. Geralmente, isso acontece porque os planos VGBL e PGBL diferem na base dos cálculos IR.
 
Sendo assim, as contribuições são descontadas limitadamente em até 12% da renda do investidor, conforme as cláusulas da Receita Federal.
 

De que forma funciona o investimento no exterior na declaração?


Quando se ganha em investimentos no exterior, é preciso que a Receita Federal tenha conhecimento desses dados. Além disso, os impostos não são isentos e podem ser obtidos em diferentes circunstâncias: o ganho de capital e o rendimento ou dividendo.

Para quem já não possui mais residência no país e fez o comunicado à Receita está livre de preocupações quanto à mordida do Leão.
 

Certifique-se que estará pronto para declarar o seu IR 2021


Espero que nossas informações tenham ajudado você que chegou aqui a descomplicar a declaração com do seu imposto de renda 2021. É importante lembrar que, atualmente, a declaração de imposto de renda pode ser feita pelo internet banking.

Verifique se todos os seus dados estão em dia e se você possui as características que foram mencionadas aqui, para então dar entrada na declaração do seu IR 2021.

Por fim, para evitar a malha fina, é aconselhável ficar atento à resposta da Receita Federal, após finalizar a declaração. O resultado sairá em cerca de 48 horas. Com isso, se alguma irregularidade for apontada, opte por corrigir o mais breve possível!

Política de Privacidade e Termos de Uso